sábado, 28 de janeiro de 2012

Um fim de semana "animal"

Bom, pra variar, o post de hoje está uma semana atrasado. É que prometi contar como foi meu fim de semana em São Paulo e acabei me enrolando e enrolando vocês... Mas a verdade é que eu tardo, mas não falho! E aqui está.

Pra começar quero dizer que tenho muito respeito pela dinâmica de cada família e não acho que o funciona na minha casa, com meu filho e meu marido, é um padrão que deve ser seguido como um “modelo fordista” e vice-versa. E, só para esclarecer, aqui em casa fazemos o seguinte: viagem com o Bernardo é para o Bernardo, afinal ele tem só três anos.

Quando a viagem prevê longos passeios, compras, almoços e jantares e até uma fugidinha a algum espetáculo ou cinema não levamos o Bernardo junto. AINDA! Não tenho experiência nisso, mas acho que vou perceber quando será hora de incluí-lo nesse tipo de programa.

No ano passado fizemos algumas experiências e levamos o Bernardo a um hotel fazenda aqui em Santa Catarina, alugamos uma casa em Gramado por duas vezes, nos hospedamos em um hotel em Curitiba. Nos divertimos muito.

Ah, esqueci de dizer que o Bernardo tem uma verdadeira obsessão por animais e que por conta disso já conhecemos praticamente todos os bons zoológicos do Sul do País, com exceção do Zoo de Sapucaia do Sul (RS) – mas este ano ele não nos escapa!
Então, dessa vez aproveitamos que ele está em recesso escolar e decidimos unir o útil ao agradável. Levamos nosso monstrinho pra fazer sua primeira viagem de avião e conhecer o Zoo de São Paulo, o Zoo Safári e o Aquário de São Paulo! =) Enfim, um fim de semana “animal”! E foi mesmo.

Pra começar, ficamos num hotel bem legal pra quem vai a São Paulo com crianças, o Quality Suites Long Stay Vila Olímpia (Rua Alvorada , 1009 – Vila Olímpia). O hotel em si não é exatamente um Radisson (Avenida Cidade Jardim, 625 – Pinheiros),que é da mesma rede , a Atlantica Hotels International, mas tem um plus! O pulo do gato é que o apartamento dispõe de uma pequena cozinha e dois quartos (e não são apartamentos conjugados!).


O Bernardo adorou essa história de voar e quis ver tudo, da decolagem a aterrissagem.

Chegamos a São Paulo almoçamos no Jardineira Grill (Av. dos Bandeirantes, 1001 - Vila Olímpia), que fica ao lado do hotel e dispensa comentários. Sem mais demora fomos ao Zoo Safári (Avenida do Cursino, 6338, Vila Moraes). Tinha acabado de começar a garoar. Como não estávamos de carro, compramos ingressos para fazer o passeio numa van do Zoo. E acho que foi a melhor opção. No trajeto, alguns animais, como avestruzes e veados, vêm comer ração em nossas mãos e acabam danificando os veículos.


A proximidade com eles é incrível e a turma da nossa van era divertidíssima. O Bernardo surtou geral!


Em seguida fomos ao Zoológico de São Paulo. Compramos os ingressos e demos cinco passos para dentro do lugar quando começou cair o maior temporal! Esperamos um pouco pra ver se a chuva iria parar, mas o Bernardo começou a ficar impaciente. Voltamos para o hotel.

À noite fomos jantar num lugar bem legal, a Pizzaria Casa Braz (R. Graúna, 125 – Moema).





O ambiente é seimples e bonito. Mas o melhor é que a pizza é uma delícia! Na volta, o Bernardo chegou no hotel, tomou banho e capotou. Só acordou no dia seguinte. ;)

O domingo ficou reservado para o Aquário de São Paulo e o Zoológico. Nosso vôo estava marcado para às 16h, então, tomamos café e não perdemos tempo.




Primeira parada, Aquário de São Paulo (Rua Huet Bacelar, 407 – Ipiranga). Sobre o lugar, apenas uma palavra: demais! Tem jacarés (Tenso...), pingüins, leão marinho, peixe boi, tubarões, arraias, mil peixes diferentes, lontras!



Dessa vez quem surtou foi eu! AMOOOOOOO muito!

Uma das partes mais legais da visita ao Aquário de São Paulo é o momento em que a gente entra em uma réplica de submarino onde há vários aquários interligados. Ali é possível ver arraias e tubarões nadando ao nosso lado e sobre nossas cabeças! Lindo!


Sem parar pra pensar, fomos pro Zoo (Avenida Miguel Estéfano, 4241
Água Funda). Sensacional! Lotado, mas sensacional.


Não botei fé que o paulistano curtia esse tipo de programa! =(


Olha, eu já tinha visto muitos bichos em zoo, mas nunca tinha visto rinocerontes!

Além disso, tem girafas lindas, tamaduás, ursos de óculos, guarás (amo!), elefantes, tucanos e flamingos...








A única coisa chata é uma turma que fica na entrada de dentro do Zoo se oferecendo para tirar fotos da sua família! O serviço é bacana, mas o povo é chato demais! Deveria ter só um stand e os interessados procurariam o serviço, mas não. Eles te pegam pelo braço e oferecem a foto umas mil vezes! Uuuuuurrrrrrgh! =/


Vou confessar, saímos de lá às 12h45 e não vistamos todo o zoo. O Bernardo estava podre, e nós também.

Almoçamos no caminho na Pizza Hut, da Avenida Bandeirantes. Normal. Passamos no hotel pra pegar nossa bagagem e fomos para Congonhas. Ficamos “apenas” 55 minutos na final do check-in da Gol, afinal, estávamos com uma criança e tínhamos bagagem pra despachar. A fila de atendimento preferencial estava ainda maior do que a tradicional! Uma loucura. Embarcamos loucos de vontade de voltar pra casa.

Foi bem corrido, mas foi “animal”! O Bernardo, que era nosso público-alvo, a-do-rou!

Beijo!

3 comentários:

Graziscrap disse...

Que delícia de passeio. Estou planejando levar minhas filhas ao Safari, mas não sabia como estava atualmente, valeu pela dica!!!! beijos

Maga disse...

Querida, gosto de ler seus posts, fico feliz com os seus passeios e todo o planejamento para o Bernardo curtir o que gosta, saudades !!!
E me dei conta que já vi hipopótamo, mas falta o rinoceronte !!! rs !!!

Caroline Krieger disse...

Adorei, valeu pelas dicas!
Bjs